whatsapp
Faleconosco pelo
Whatsapp do BOOK7

(11) 2928-4923
0Item(s)

Nenhum produto no carrinho.

Product was successfully added to your shopping cart.
  • Perspectivismo e Relativismo na Filosofia de Nietzsche Perspectivismo e Relativismo na Filosofia de Nietzsche

Perspectivismo e Relativismo na Filosofia de Nietzsche

Descrição Rápida

Código: 9786556321110
Editora: UNIFESP
Autores: Corbanezi, Eder
Edição: 1
Disponibilidade: Em Estoque

Preço: R$56,00

Preço Promocional R$55,99

Detalhes

Este livro investiga a relação problemática entre perspectivismo e relativismo na filosofia de Nietzsche. Inscrito no mundo, entendido como vontades de potência que buscam impor seus próprios pontos de vista, o perspectivismo propõe a ideia de que não existem fatos, mas apenas interpretações relativas. Cumpre então perguntar se tal perspectivismo incorreria num relativismo radical, segundo o qual todas as interpretações teriam o mesmo valor. Esse problema, a nosso ver, não é passível de resposta unilateral, com um simples sim ou não. Por um lado, os escritos de Nietzsche indicam que ele não pretenderia assumir a posição de um relativista radical, visto que hierarquiza as interpretações e reivindica a superioridade de sua própria concepção de mundo. Sua filosofia parece até mesmo inviabilizar aquele relativismo: ao associar os conceitos de perspectiva e de interpretação ao de valor, faz ver que toda perspectiva e toda interpretação avaliam e hierarquizam, de modo que inexistiriam perspectivas e interpretações que pudessem efetivamente considerar as demais como dotadas de mesmo valor. Por outro lado, inscrito o perspectivismo no mundo, todo e qualquer critério estabelecido para hierarquizar as interpretações teria de ser relativo a uma perspectiva e a uma interpretação determinadas. Assim, uma vez considerada a relatividade de todo critério, ressurge o problema do relativismo.

Informação Adicional

Descrição Resumida Este livro investiga a relação problemática entre perspectivismo e relativismo na filosofia de Nietzsche. Inscrito no mundo, entendido como vontades de potência que buscam impor seus próprios pontos de vista, o perspectivismo propõe a ideia de que não existem fatos, mas apenas interpretações relativas. Cumpre então perguntar se tal perspectivismo incorreria num relativismo radical, segundo o qual todas as interpretações teriam o mesmo valor. Esse problema, a nosso ver, não é passível de resposta unilateral, com um simples sim ou não. Por um lado, os escritos de Nietzsche indicam que ele não pretenderia assumir a posição de um relativista radical, visto que hierarquiza as interpretações e reivindica a superioridade de sua própria concepção de mundo. Sua filosofia parece até mesmo inviabilizar aquele relativismo: ao associar os conceitos de perspectiva e de interpretação ao de valor, faz ver que toda perspectiva e toda interpretação avaliam e hierarquizam, de modo que inexistiriam perspectivas e interpretações que pudessem efetivamente considerar as demais como dotadas de mesmo valor. Por outro lado, inscrito o perspectivismo no mundo, todo e qualquer critério estabelecido para hierarquizar as interpretações teria de ser relativo a uma perspectiva e a uma interpretação determinadas. Assim, uma vez considerada a relatividade de todo critério, ressurge o problema do relativismo.
ISBN13 9786556321110
ISBN10 Não
Edição 1
Autores Corbanezi, Eder
Total de Páginas 200
Peso sem embalagem 0.474
Formato do Produto 14x21x1,84
Volume Não
Faixa Etária Acima dos 12 anos
Encadernação Brochura
Ano Edição 2021
Data de Publicação 2021-01-01T08:00:00Z
Idioma Português
Origem Brasil
Selo Não
Tamanho da Letra 10 / 14,5 pt
Tradução Não
Prazo de Expedição 10

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.

  1. Seja o primeiro a avaliar este produto

Queremos saber sua opinião